Skip to content

Viés cognitivo: você é obtuso e nem sabia…

17 de dezembro de 2010

Well…

Também não é assim, de certo modo. O caso é que o mundo (e as coisas do mundo) é grande e complexo, cheio de situações novas nas quais temos que nos comportar de maneira adequada e inteligente, geralmente sem experiência prévia. O que fazer nessas horas? Agir como costumamos agir em ocasiões similares, mas não iguais, e esperar que tudo dê certo parece uma boa estratégia. É nessa situação em que a gente costuma fazer julgamentos errados e, em algumas vezes desastrados.

O problema é que, como na maioria das vezes a estratégia dá certo, tendemos a repetí-la sempre em situações similares (mas não iguais, lembre-se). É como se formássemos grandes categorias-guarda-chuva de respostas a determinadas situações, que são usadas para adequarmos o nosso comportamento rapidamente, quando a situação exige. Essas categorias são os tais dos “viéses cognitivos”, ou seja, padrões de comportamentos sob controle de determinadas generalizações de controle de estímulos. O exemplo mais clássico de viés cognitivo é o comportamento preconceituoso. Algumas categorias de estímulos – por exemplo, mulheres bonitas e loiras – determinam aslgumas maneiras de pensar e comportamentos – “ah, lá vem a loira-burra“, ou o comportamento de explicar uma coisa nos mínimos detalhes didáticos para uma mulher loira e bonita, só porque você “acha” que ela não irá entender o que você diz.

Há vários outros viéses cognitivos, e believe me, a gente se comporta de acordo com esses padrões com frequencia muito maior do que a gente mesmo poderia acreditar. O que, em si, já é um viés cognitivo… Enfim. Formas obtusas de pensamento, algumas vezes, são apenas falta de controle sobre as respostas generalizadas.

Bradley Wray, um professor americano, fez uma musiquinha descrevendo alguns dos viéses cognitivos mais comuns, que é uma pérola… escutem (e leiam a legenda!) com atenção – e sem viés.

2 Comentários leave one →
  1. Ginetta Amorim permalink
    13 de março de 2011 19:34

    Aninha cai de paraquedas aqui no seu blog e já de cara me identifiquei bastante com você, sou nutricionista mas com quase o meu corpo todo na área humanística… acabei de formar e enfim tudo ainda é muito incerto… adoro a psicologia e vou tentar te acompanhar sempre, acredito que podemos ter várias discussões interessantes! beijo grande parabéns!

    • Aninha permalink*
      13 de março de 2011 19:43

      Olá! Que bom que vc gostou!O blog está agora no Science Blogs Brasil, no endereço: http://scienceblogs.com.br/odiva/
      Por enquanto ainda estou republicando os posts daqui, mas brevemente ele será todo movido pra lá, acompanhe por lá, ok??

      Obrigadão!!!

      Beijo.

      Ana.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: